• Gruna

[LAR PARA SOMAR]

Atualizado: 11 de Out de 2018



Como uma das Arquitetas do time Gruna, sempre busquei soluções que estimulassem a convivência dos usuários nos espaços e que esses também fossem baseados na essência dos clientes. Quando me casei com o Maurício e passamos a morar juntos, resolvemos juntar nossas histórias e identidade em um mesmo lar.



Nós dois adoramos receber nossos amigos e familiares e conectar pessoas, além de estar próximos nas atividades do dia a dia. Notamos que nossa casa não estava propícia para nós e para receber a todos da forma que gostaríamos. Por essa inquietação surgiu a necessidade de fazermos um projeto arquitetônico para o apartamento, para que ganhasse nossa identidade e se adequasse as nossas necessidades.

A nossa casa se localiza no Grajaú, bairro bucólico do Rio de Janeiro, que nos encantou pela abundância de árvores e vida pacata, aqui parece que o tempo passa mais devagar, tem outro rítmo. A Gruna entendeu a essência do lugar e criou um projeto integrado ao verde do exterior, permitindo que a luz natural e o frescor entrassem de maneira total, favorecendo a circulação cruzada entre os espaços. A parte social, composta por uma sala integrada com a cozinha e uma pequena varanda, apresenta grandes janelas e portas que foram destacadas para favorecer a interação com o exterior. Também com intuito de trazer a vegetação de fora para dentro do lar as plantas tiveram destaque no projeto, sendo importante para purificar o ar, absorver a umidade e trazer sensação de aconchego. Para as escolhas das espécies foi preciso um conhecimento técnico, colocamos espécies propícias e adequadas para cada ambiente do apê.



O apartamento antigo apresentava um grande corredor e salas e cozinha segregadas. Após a derrubada de paredes na reforma o ambiente ficou amplo, porém, foi preciso criar elementos para que o novo ambiente único pudesse ficar aconchegante e ainda mais conectado visualmente entre sí. Para isso a Gruna optou por unificar a altura do teto na área social, utilizar uma paleta de cores complementares e nivelar os pisos entre cozinha e sala.

O elo central do projeto de arquitetura foi da estrutura do prédio aparente. Quando a Gruna percebeu durante a obra que entre as salas havia uma viga invertida, a estrutura passou a ser a protagonista do projeto. Por isso, esta foi descascada e passou a ficar à mostra. Com visão técnica o escritório conseguiu aproveitar a estrutura existente transformando-a em um grande banco confortável que pudesse ser utilizado para integrar a sala de jantar, estar e a cozinha. Hoje, eu e Maurício percebemos que este é o maior xodó da nossa casa, é o lugar que todos os amigos e familiares querem sentar e se sentem bem.




Nós amamos receber pessoas em casa, porém só tínhamos um banheiro que era usado por nós e pelas visitas e um pequeno voltado para a área de serviço, usado anteriormente como depósito. Após a obra o banheiro de serviço foi revertido e passou a fazer parte da área social da casa, tendo conexão direta com a sala. Isso fez com que toda área social pudesse ficar integrada e a área íntima ficou mais privada.



Em um ambiente íntimo como o lar a cozinha é um espaço de grande importância, ainda mais para o Maurício que gosta de cozinhar e receber os amigos em volta da mesa para desfrutar destes momentos. No projeto, a escolha por transformar este ambiente em uma área social teve a intenção de agregar relações e potencializar os laços, possibilitando que a preparação da comida se transformasse em uma atividade prazerosa e de interação entre todos. No dia a dia a dois percebo que a integração da cozinha mudou muito nossa relação, pois conseguimos exercer nossas atividades cotidianas e ainda se conectar para conversar sobre os assuntos corriqueiros.



A reforma durou cerca de quatro meses e conseguiu através da integração dos espaços mudar a atmosfera do lugar, trazendo autenticidade, luz e amplitude para o ambiente interno.

Os momentos de interação passaram a ser mais prazeroso e agradáveis, hoje vivemos com muito mais qualidade e temos consciência do quanto a reforma tem contribuído com a nossa qualidade de vida diariamente.